Procurador paraibano Antônio Edílio Magalhães Teixeira é nomeado para o CNMP

0
19

O procurador da República, lotado no Ministério Público Federal (MPF) na Paraíba, Antônio Edílio Magalhães Teixeira, foi nomeado como conselheiro do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) para o biênio 2021-2023. O documento foi assinado pelo presidente Jair Bolsonaro e divulgado nesta terça-feira (14).

De acordo com informações, o seu nome foi aprovado por 62 votos favoráveis, 3 votos contrários e 2 abstenções no último dia 30 de novembro pelo Plenário do Senado. A previsão é que, hoje, a partir das 10h30, ocorra a solenidade de posse dos conselheiros aprovados pelo Plenário do Senado para compor o CNMP, durante a 19ª Sessão Ordinária de 2021. No próximo dia 16, acontecerá a 5ª Sessão Extraordinária do Plenário Virtual de 2021.

Antônio Edílio é procurador da República na Paraíba e integrante do Grupo de Atuação Especial contra o Crime Organizado do Ministério Público Federal na Paraíba (Gaeco MPF-PB). Tem 28 anos no Ministério Público. Consta ainda experiência de 16 anos de atuação em órgãos coletivos como Tribunal Regional Federal da 5ª Região (TRF5) e Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) da Paraíba e de Pernambuco.

Foi procurador-Chefe em duas diferentes Unidades do MPF como a Procuradoria da República na Paraíba (PRPB) e Procuradoria Regional da República da 5ª Região (PRR5). Antônio Edílio atuou também como procurador Regional Eleitoral (PRE na Paraíba e em Pernambuco), procurador Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC) na Paraíba, coordenador Cível e Criminal da PRR5, presidente do Conselho Penitenciário da Paraíba e vice-presidente do Conselho Estadual dos Direitos da Pessoa Humana na Paraíba.

Confira o documento

Comentários