Motoboys fecham trânsito no Retão de Manaíra; Semob divulga rotas

0
21

Amigos e familiares do motoboy Kelton Marques, morto em um acidente no mês de setembro, fazem um protesto na tarde desta segunda-feira (08). Eles cobram a prisão de Ruan Ferreira de Oliveira, empresário suspeito de atropelar o profissional de delivery, que segue foragido da Justiça.

O protesto acontece no cruzamento do Retão de Manaíra, próximo ao cruzamento do Pão de Açúcar.

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de João Pessoa acompanha o protesto e emitiu orientações para as pessoas que circulam pela região e precisam buscar rotas alternativas para evitar o trecho.

De acordo com Sanderson Cesário, diretor de operações da Semob-JP, as equipes estarão atuando à medida que os manifestantes forem se deslocando. Além disso, também serão realizados desvios e/ou bloqueios, com o objetivo de reduzir os transtornos a quem estiver de passagem pela região.

“Vamos estar em alerta e monitorar o ato do início ao fim, apesar da Semob-JP não ter sido acionada oficialmente pelos manifestantes. Orientamos os condutores que geralmente seguem pelo corredor Retão de Manaíra que tentem buscar rotas alternativas, como transitar pela BR-230 para acessar o bairro do Bessa ou as vias por dentro do bairro de Manaíra”, explicou Sanderson Cesário.

Caso Kelton Marques

Kelton Marques, motociclista, faleceu no cruzamento entre a Avenida Flávio Ribeiro Coutinho e a Rua Mirian Barreto Sobrinho, no dia 11 de setembro deste ano, quando um condutor em alta velocidade passou no sinal vermelho e colidiu na vítima.

O suspeito, Ruan Ferreira de Oliveira está foragido desde o dia 12 de setembro, dia seguinte a colisão. Ele teve mandado de prisão preventiva expedido pela justiça, mas não se apresentou. Sua defesa chegou a pedir a revogação do pedido, mas a solicitação foi negada pela Justiça da Paraíba.

Comentários