Idoso preso por engano, em João Pessoa, é liberado da Central de Polícia após decisão da Justiça

0
344

Foi solto no início da tarde de hoje (22), Ricardo José Santos da Silva, de 64 anos, que foi preso na terça-feira (19) por um homicídio cometido no estado de Alagoas. Entretanto, o mandado deveria ter sido expedido em nome de José Ricardo da Silva Santos, verdadeiro suspeito do crime.

Foi um erro de digitação da justiça de Alagoas que levou o idoso a ficar preso na Central de Polícia Civil de João Pessoa. A Justiça alagoana reconheceu a falha e emitiu um alvará de soltura em nome de Ricardo José Santos da Silva.

De acordo com as informações de familiares, Ricardo José Santos da Silva é hipertenso, diabético e tem depressão. Ele é, ainda, insulino-dependente e estava desde terça sem receber o medicamento. Na manhã desta quinta, Ricardo passou mal na carceragem e teve que ser socorrido. A filha do idoso aplicou a insulina e esse foi o único momento, segundo ela, que pôde estar em contato com o pai.

Comentários