Funcionária da Odebrecht é presa na 23ª fase da Lava Jato na Bahia

0
33

Dois mandados de busca e apreensão e um de prisão foram cumpridos pela Polícia Federal na manhã desta sexta-feira (11), em Salvador. De acordo com a PF na Bahia, esses mandados fazem parte do desdobramento da ‘Operação Acarajé’, que integra a 23ª fase da Operação Lava Jato. Ainda segundo a PF, uma funcionária da Odebrecht, que é assistente administrativo, foi presa em casa, no bairro de Pernambués, em Salvador.

Os mandados de busca e apreensão foram cumpridos na sede da empresa e na casa da funcionária. De acordo com a PF em Curitiba, a prisão da funcionária é temporária e tem prazo de cinco dias e pode ser prorrogada pelo mesmo período ou convertida em preventiva, que é quando o investigado fica preso à disposição da Justiça sem prazo pré-determinado. A PF informou que a funcionária foi levada para Curitiba ainda na manhã desta sexta-feira.

Fonte: G1

Comentários