Anastácio nega enfrentamento, mas diz que movimentos sociais vão lutar por Dilma

0
2

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) reafirmou que suas últimas declarações não foram feitas com a intenção de fomentar o confronto entre os grupos pró e contra o impeachment da Presidente Dilma Rousseff (PT).

“Não falo de enfrentamento, mas de organização, da organização da classe trabalhadora, das classes sociais defendendo o Brasil”, afirmou.

Anastácio também reforçou que a defesa deve ser ao projeto que foi instalado no país pelo PT e que, apesar de suas falhas, causou melhoras ao Brasil. Ele também concordou com a frase dita por Lula “nunca hei de duvidar da capacidade da classe trabalhadora”.

O parlamentar ainda demonstrou estar ansioso pelo dia após a votação do impedimento da presidente: ‘eu quero ver o que vai acontecer no dia seguinte’.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome