Impeachment: maioria dos deputados da PB são contra Dilma

0
8

A presidente Dilma Rousseff (PT) poderá chegar no domingo (17) com apenas um dos deputados federais paraibanos favoráveis à sua manutenção no cargo. É o que se pode dizer dos efeitos dos últimos acontecimentos no trabalho dos governistas para frear a marcha do impeachment da gestora. Da maioria verificada há algum tempo, apenas Luiz Couto (PT) se mantém favorável de forma incondicional à petista. Aguinaldo Ribeiro (PP), o único paraibano a votar na comissão especial do impeachment e que foi contra o impedimento, agora já não sustenta seu voto favorável à manutenção da presidente Dilma Rousseff.

Governista, Rômulo Gouveia (PSD) há muito faz mistério sobre a sua posição. Diz que vai seguir o partido que, majoritariamente, demonstra inclinação pró-impedimento da presidente, apesar de ter um dos principais ministérios do governo, o das Cidades, ocupado pelo presidente nacional da sigla, Gilberto Kassad. Há reunião do partido na manhã desta quarta-feira (13) para definir a orientação que será dada na votação, prevista para o próximo domingo. Wellington Roberto integra o PR, que decidiu votar contra o impeachment, porém, ele é sempre lembrado como um parlamentar próximo ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

O deputado Veneziano Vital do Rêgo assumiu postura favorável ao desembarque do PMDB do governo, mas mantinha postura enigmática em relação ao impeachment. Isso até esta quarta-feira, quando divulgou posição favorável ao impedimento. Havia quem dissesse que a nomeação de Gilton Lira para a presidência interina da Embratur teria mudado o rumo da decisão. Já Wilson Filho (PTB) revelou que o seu partido se reúne na tarde desta quarta para decidir o futuro. Ele, que ocupou interinamente a liderança da bancada, será um dos comandantes da reunião. Há quem conte o voto pessoal dele como favorável ao impeachment.

Painel do impeachment
A favor
Benjamim Maranhão (PMDB)
Pedro Cunha Lima (PSDB)
Hugo Motta (PMDB)
Manoel Júnior (PMDB)
Efraim Filho (DEM)
Veneziano Vital do Rêgo (PMDB)
Wilson Filho (PTB) – o seu partido decide na tarde desta quarta-feira, mas pessoas próximas contam seu voto como favorável
Aguinaldo Ribeiro (PP) – votou contra na comissão do impeachment, mas vai seguir a indicação favorável do partido

Indefinidos, mas inclinados a votar favorável
Wellington Roberto (PR) – seu partido é contra o impeachment, mas a bancada conta o voto dele como favorável
Rômulo Gouveia (PSD) – seu partido discute o desembarque do governo. O parlamentar diz que seguirá o partido

Contra
Luiz Couto (PT)
Damião Feliciano (PDT) – vinha se posicionando contra, mas evita fechar questão porque o partido decide nesta quarta

 

Jornal da Paraíbva

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome