04/01/2016 às 19h03
para campanha

João Azevedo nega articulação com Cícero Lucena e adianta saída da secretaria

O secretário de recursos hídricos, ciência e tecnologia da Paraíba, João Azevedo, se desincompatibiliza do cargo no mês de março antecipando o prazo da saída previsto pela legislação eleitoral que é 30 de junho, já para cuidar da sua campanha a prefeito de João Pessoa.

Azevedo é o pré-candidato do PSB e conta com o apoio do governador do Estado, Ricardo Coutinho (PSB).

“Vou deixar em março para que eu possa me dedicar integralmente aos três turnos da campanha, para poder mostrar à população o que é que nós podemos fazer por ela, retornando a forma de fazer uma gestão diferente”, destacou.

Com relação à política de alianças para construir a chapa majoritária do PSB, Azevedo informou que todos os partidos que não têm candidatura própria estão sendo convidados a conversar para que possam traçar uma proposta de gestão e formar um leque de alianças.

“Eu já estive conversando com Nonato Bandeira, sou amigo dele, e o PPS será bem vindo para participar do processo eleitoral”, explicou o secretário desfazendo os boatos de que já teria apresentado o jornalista como seu futuro vice durante um almoço no qual foram fotografados juntos e a foto percorreu as redes sociais.

Azevedo também desmentiu o boato de que já teria conversado com o ex-prefeito Cícero Lucena (PSDB). Contudo, afirmou que terá oportunidade de conversar com o tucano.

“Eu volto a dizer que vamos ouvir todas as pessoas. Nós já temos conversas avançadas com alguns partidos e no momento adequado será publicizado. Eu espero contar com o maior número de partidos porque a forma de fazer gestão do PSB já está devidamente comprovada por esta cidade quando o ex-prefeito Ricardo Coutinho foi reeleito com setenta e dois por cento dos votos e quando eleito e reeleito governador. Ricardo é fruto de um trabalho e foi isso que ele mostrou a João Pessoa a Paraíba e foi isso que a população reconheceu”, pontuou.

Comentários

Recomendado para você