28/12/2015 às 11h53
REAJUSTE

Procon-JP inicia fiscalização após aumento de gasolina na PB

A Secretaria Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-JP) está investigando o súbito aumento no preço da gasolina durante o feriadão de Natal em João Pessoas. Em diferentes postos da cidade, o preço da gasolina comum está variando entre R$ 3,38 a R$ 4,15, superando até o valor do dólar que está sendo vendido hoje por R$ 3,92. Nesta segunda-feira (28), o Procon-JP iniciou o trabalho de notificação e investigação para descobrir de onde está vindo a elevação dos preços.

De acordo com o secretário do Procon-JP, Helton Renê, o aumento nos preços tem sido procurado pela redução da oferta, visto que em certos postos da cidade está faltando gasolina. “O baixo estoque em determinados postos da cidade fez com que os proprietários que ainda tinha seus estabelecimentos com reserva de combustível aumentasse o preço do combustível com o aumento da procura”, disse.

Além da redução da oferta e aumento da procura provocada pelo atraso de um navio, que deveria ter chegado ao Porto de Cabedelo antes do Natal, e as empresas terem dado prioridade aos postos de bandeira, ou seja, aqueles que pertencem as redes das próprias distribuidoras. Helton explicou que também está sendo levada em conta a crise atual em o Brasil está vivendo. “A crise também levou o aumento do álcool, os produtores de cana de açúcar têm preferido vender o combustível para fora país, por conta do aumento do dólar”, ressaltou.

O Procon-JP inicia hoje o trabalho de notificação dos postos por aumento abusivo do preço e também está realizando uma pesquisa para ser divulgada para população nesta terça-feira (29).

Mesmo a direção do Sindicato do Comércio Varejista de Combustíveis e Derivados de Petróleo no Estado da Paraíba (Sindipetro-PB) ter informado que a expectativa é de que o abastecimento fosse normalizado nesta segunda, mas a situação piorou e está cada vez mais difícil a população encontrar gasolina nos postos da cidade.

Comentários