04/12/2015 às 08h28
TECNOLOGIA

Empresa paraibana que auxilia ensino infantil é selecionada para receber apoio da Samsung

Oferecer uma plataforma online que avalia, planeja e corrige distúrbios de aprendizagem em crianças. Foi com este objetivo que a empresa paraibana incubada Sinapse Virtual Tecnologia e Serviços, apoiada pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria Executiva de Ciência e Tecnologia, conquistou uma vaga, entre oito empresas selecionadas de todo o país, para receber apoio tecnológico e financeiro da Samsung.

No total, foram 106 empresas inscritas no Programa de Promoção da Economia Criativa e o resultado foi divulgado nesta quinta-feira (3), durante um café da manhã em Brasília, no Distrito Federal. Além da Samsung, o resultado é parceria da Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec) e CCEI Daegu (Coréia do Sul) que auxiliaram na escolha de projetos sinérgicos que vão permitir a instalação de novos empreendimentos inovadores de Norte a Sul do Brasil.

As outras startups selecionadas foram de regiões distintas do Brasil pertencentes ao Nordeste, Centro-Oeste, Sul e Sudeste. São elas: DEV Tecnologia, Doutor Recomenda, Reminds, Minnd the Graph, Oobj Tecnologia da Informação, VRMonkey e Optix Imagens Médicas.

O prazo de submissão das propostas pelas empresas brasileiras ocorreu até o dia 16 de novembro e, somente a partir de janeiro de 2016, inicia-se a fase de incubação com duração de seis meses. As propostas submetidas foram avaliadas por uma banca especializada, formada por Samsung, Anprotec e as incubadoras selecionadas.

Na solenidade, também esteve presente a coordenadora da Incubadora Tecnológica de Campina Grande (ITCG), Janayna Ibiapina; a diretora geral da Fundação PaqTcP; gerente de Inovação, Elisonete Amorim; o ministro de Ciência e Tecnologia, Celson Pansera, e a presidente da Anprotec e secretária executiva de Ciência e Tecnologia da Paraíba, Francilene Procópio.

“Agora, em um prazo de seis meses, as startups selecionadas receberão apoio financeiro e um pacote de serviços focados no aprimoramento tecnológico e mercadológico dos seus produtos e serviços, no âmbito do Programa de Promoção da Economia Criativa. Esta empresa paraibana é muito importante, pois é capaz de incluir e cuidar de uma população bastante alta no país que tem déficit de atenção”, ressaltou Francilene Procópio.

Ela disse ainda que o apoio de empresas como a Samsung é possível devido o alto investimento do Governo da Paraíba na área de tecnologia, robótica e de todo o polo educacional. “Temos a Fapesq e Tecnova que nos auxilia nesse processo e, este reconhecimento será o primeiro de muitos ciclos que vão se abrir em 2016. Por isso, novas empresas devem se preparar para estar aptas também a Lei da Informática”, acrescentou.

Lei da Informática (nº8.248) – É uma lei que concede incentivos fiscais para empresas do setor de tecnologia (áreas de hardware e automação por parte da indústria nacional), que tenham por prática investir em pesquisa e desenvolvimento. Esses incentivos fiscais referem-se à redução do IPI em produtos habilitados/incentivados. Além disso, a Lei se destina a quem se comprove regularidade fiscal e que sejam produtoras de algum item cujo NCM (Nomenclatura Comum do Mercosul) conste  na lista de produtos incentivados pela Lei.

Mais sobre a startup – A Sinapse Virtual é disponibilizada nas escolas através de uma plataforma online que avalia, planeja e corrige distúrbios de aprendizagem em crianças (Ensino Infantil e Fundamental I), auxiliando o planejamento pedagógico dos alunos com participação de pais, gestores e professores, além de conceder formação online para capacitação dos docentes. Mais informações pelo site gruposinapsevirtual.com ou pelos telefones (83) 9 9623-3139 / 9 8124-5163.

Sobre o Programa – Desenvolvido a partir da demanda da Samsung e da referência ao Modelo de Promoção da Economia Criativa Sul-Coreana, o Programa de Promoção da Economia Criativa consiste em um conjunto de atividades relacionadas à identificação, seleção e suporte de projetos da Economia Criativa. Tais projetos serão apoiados pela Samsung, Anprotec e incubadoras de empresas participantes, visando à geração e ao desenvolvimento de empreendimentos de base tecnológica de sucesso.

Comentários

Recomendado para você