Homem que morreu após tiroteio com delegado é suspeito de outros assaltos em JP

0
2059

O assaltante que morreu após troca de tiros com o delegado Silvio Bardasson, nos Bancários, em João Pessoa, foi reconhecido por várias pessoas como sendo autor de diversos assaltos na região. Ele e um comparsa tinham seguido uma mulher que havia feito um saque bancário de R$ 10 mil e a renderam em frente a um restaurante no bairro.

As informações foram repassadas pelo coronel Barros, comandante do 5º Batalhão de Polícia Militar (BPM). Ainda segundo o coronel, o homem morto foi apontado por roubar carros e motos nos Bancários.

O delegado Alexandre Fernandes, o qual esteve no local onde o assaltante caiu e morreu, informou que Josinaldo Pedro da Silva, de 45 anos, conhecido como Naldo Cabeça de Taco, respondia por homicídios e receptação e estava em liberdade condicional.

Na ação de hoje, os bandidos fugiram com o dinheiro, mas foram perseguidos pelo delegado durante troca de tiros. Um deles foi atingido no pescoço, segundo confirmação feita ao ClickPB pelo delegado Alexandre Fernandes, e encontrado morto na mata onde a dupla se escondeu.

Os policiais militares, até às 16h30 desta segunda-feira, continuavam em busca do segundo fugitivo. A equipe do Instituto de Polícia Científica (IPC) fez a perícia no local e recolheu o corpo do homem morto.

O delegado Silvio Bardasson foi internado no Hospital de Trauma da Capital, baleado na coxa e no pé. A informação da unidade de saúde é de que o delegado seguia em estado regular e foi transferido para um hospital particular. Com Click PB

Comentários