Justiça de Alagoas solta paraibano preso por engano em operação contra fraude

0
525

O paraibano Ewerson Ferreira Constâncio da Cunha está em liberdade, por decisão da 17ª Vara Criminal de Maceió (AL). Ele foi preso segunda-feira passada em João Pessoa por ter sido confundido pelo nome parecido com o de um integrante de uma organização criminosa do Estado de Alagoas, acusada de fraudar impostos naquele Estado, desarticulada pela Operação Polastro.

A defesa de Ewerson foi feita pelo advogado Bruno Lopes, do escritório Johnson Abrantes, da capital paraibana.

Ao Blog, Bruno informou que, depois de transferido para Maceió, o rapaz prestou depoimento. Nele, a Polícia chegou à conclusão de que o suspeito não era a mesma pessoa que a Polícia Civil e o Ministério Público do Estado de Alagoas estavam procurando.

Blog Heron Cid

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome