Ex-estudante de Direito é preso suspeito de vender drogas sintéticas em faculdade particular e na Praça da Paz, em João Pessoa

0
550

 

O ex-estudante de Direito Felipe Alves Almeida, 24 anos, conhecido como ‘Felipe Flor’, foi preso nessa segunda-feira (24), suspeito de comercializar drogas sintéticas na faculdade Unipê e na Praça da Paz, bairro dos Bancários, em João Pessoa. A informação foi divulgada no programa Correio Verdade, TV Correio.

De acordo com o delegado Braz Morroni, os policiais da Delegacia de Repressão a Entorpecentes ( DRE) cumpriram mais um mandado de prisão da “Operação Sintéticos”, a qual desarticulou uma organização criminosa voltada à prática dos crimes de tráfico ilícito de entorpecentes, associação ao tráfico.

“A referida ação foi a conclusão de um trabalho investigativo que se iniciou no mês de novembro do ano passado, com o objetivo de combater repressivamente o tráfico ide drogas sintéticas (SKANK, LSD, MD, ESCTASY), com atuação nos bairros da orla marítima de João Pessoa”, disse o delegado.

Felipe vai passar por audiência de custódia na tarde desta terça-feira (25).

A Polícia Civil explicou que o “público alvo” da quadrilha era jovens de classe média e alta, além de frequentadores de casas noturnas, conhecidas por “Raves” e festas privadas.

Ainda segundo a PC, a organização criminosa é comandada por um advogado, que foi preso na primeira ação da operação. Ele está recolhido na sede do 5º BPM, na capital.

PB HOJE

Comentários