Entidade pressiona vereadores para que proíbam uso de canudos em João Pessoa

0
72

Queridinho por muitos, o canudinho é mais uma praga ambiental que vem sendo combatida por diversos setores da sociedade como ONGs e órgãos públicos. Assim, o Projeto de Lei 726/18, do vereador Tanilson Soares (PSB), pretende acabar com a utilização do material na Capital.

Uma corrente de apoiadores ganha força nas redes sociais, através da página ‘Minha Jampa‘, que lançou campanha para pressionar os vereadores de João Pessoa a aprovar o projeto. A ideia é mobilizar milhares de pessoenses que apoiam uma #JampaSemCanudos para que sensibilizem os 27 vereadores, responsáveis pela aprovação ou não do PL.

Com uma vida útil estimada em 4 minutos, o canudinho de plástico é responsável por um estrago que pode durar 400 anos para se decompor na natureza. O material é feito de poliestireno ou polipropileno. Por ser aparentemente inofensivo, o canudinho raramente é reciclado e seu destino termina matando a vida de animais e destruindo o meio ambiente.

Para se ter uma ideia só nos Estados Unidos, são usados 500 milhões de canudos plásticos por dia e no Reino Unido, mais 100 milhões. E assim como outros resíduos, eles acabam no mar, engolidos por animais, que morrem sufocados.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome