Vigilante é morto na frente da esposa e de bebê em Campina grande

0
639

Um vigilante foi morto a tiros na manhã desta terça-feira (26) na cidade de Campina Grande, Agreste do estado. Segundo a polícia, a vítima foi identificada como Edmilson Gomes da Silva. Ele tinha 46 anos e trabalha no Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), além de ser professor de artes marciais.

A Polícia Militar informou que era por volta das 6h30 quando o rapaz se preparava para ir levar a esposa no trabalho. Ele estava dentro do carro, na rua Argemiro Carneiro da Silva, no bairro Novo Cruzeiro, quando o suspeito o abordou.

Edmilson teria saído do veículo e acabou sendo ferido pelos disparos. A companheira da vítima estava no banco de passageiro com o bebê no colo. O homem suspeito do crime não foi localizado até o fechamento desta matéria.

Segundo caso

Nesta segunda-feira (25), outro vigilante foi assassinado na cidade de Campina Grande. O funcionário de uma clínica foi morto em uma tentativa de resgate de um presidiário durante uma consulta no bairro da Prata.

Diego Oliveira, de 23 anos, estava em uma guarita quando foi atingido. Na troca de tiros, residências do bairro e uma farmácia também foram atingidas. Testemunhas disseram que os suspeitos fugiram em um veículo Chevrolet Onix de cor branca.

Horas depois do crime, a polícia prendeu dois homens suspeitos de participação no homicídio. O carro usado pelos bandidos também foi localizado. Havia marcas de tiros na lataria do veículo. A dupla detida foi encaminhada para a Central de Polícia de Campina.

Com T5

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome