Pais de traficante do PCC que seria resgatado na PB são presos por tráfico de drogas

0
1547
Preso que os comparsas iriam resgatar

Os pais do detento Gilmar Andrade, que seria resgatado na manhã desta segunda-feira (25) e teve ação frustrada, foram presos no início da tarde pelo crime de tráfico de drogas. De acordo com o superintendente regional da Polícia Civil, Luciano Soares, o pai e a mãe foram detidos em casa, no bairro do José Pinheiro, na Zona Leste da cidade.

Maconha, crack, dinheiro e uma balança foram encontrados na residência do casal. Os policiais vão investigar se eles têm algum envolvimento com a tentativa de resgate que acabou com um vigilante de uma clínica particular morto, no bairro da Prata, também em Campina Grande.

No fim da manhã desta segunda-feira, a Polícia Militar encontrou um dos carros utilizado na ação dos criminosos queimado em uma comunidade próximo à fazenda Maria da Luz, na zona Rural de Campina Grande.

Outro veículo também foi localizado no bairro do Itararé, próximo onde o primeiro carro estava pegando fogo. Dois homens suspeitos de envolvimento no crime foram presos e levados para a delegacia.

Sobre o detento

Gilmar Andrade foi preso em fevereiro de 2017 pela Delegacia de Roubos e Furtos de Campina Grande. O delegado da Polícia Civil Ramirez São Pedro foi o responsável pela prisão do acusado, que na oportunidade foi flagrado com uma pistola e 2kg de maconha. “Gil” ainda trocou tiro com a polícia e acabou baleado no braço. A esposa dele, Jaciara Andrade, e três primos do suspeito também já foram presos por tráfico de drogas. Segundo a PC, Gilmar é um dos comandos do tráfico de drogas na zona leste de Campina Grande.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome