Açude transborda, derruba casas e deixa moradores ilhados na Paraíba

0
592

As fortes chuvas registradas, no Sertão da Paraíba, nos últimos dias provocaram o transbordamento do açude que fica na comunidade Lancha II, na zona rural do município de Aguiar, e, por conseguinte, inundou e destruiu casas, localizadas  às margens do reservatório.

Neste final de semana, várias famílias ficaram ilhadas e desabrigadas e cobram assistência da Prefeitura Municipal. O acesso à comunidade é feito por meio de canoas improvisadas, inclusive prejudicando o deslocamentos dos estudantes para as escolas.

O agente de manutenção da Cagepa, José Roberto Valdevino, disse que o açude foi construído em 2016, mas as famílias não foram relocadas. “Com o transbordamento, as águas invadiram as casas”, revelou Alberto.

Denúncia ao MP

Em nome dos moradores, o advogado Françualdo Alves da Silva denunciou o caso ao Ministério Público Estadual. No documento, ele denuncia que “as famílias estão totalmente desabrigadas, ilhadas , isoladas e desamparadas pelo poder público com suas casas totalmente submersas nas águas da represa do açude do açude”.

Em cadeiras de rodas, morador fica em casa inundada e espera ser relocado pela prefeitura para outra residência na zona rural de Aguiar

Françualdo Alves ainda sustenta, na denúncia ao MP, que as famílias já eram para ser indenizadas e relocadas para outras áreas e casas para não correrem o risco iminente de perderem suas casas e móveis”.

Prefeitura vai relocar

O prefeito de Aguiar, Lourival Lacerda, disse que construiu casas na zona urbana, mas as famílias resistiram. Diante disto, novas moradias estão sendo construídas. “A Prefeitura já alugou uma casa para uma família morar, enquanto as demais estão nas residências de familiares”, frisou Lourival, acrescentando que deu cestas básicas e liberou canoas para o transporte.

Com Jornal da Paraíba

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome