Justiça concede prisão domiciliar a prima do prefeito preso de Cabedelo, Leto Viana

0
304

 

A ex-secretária de Finanças de Cabedelo, Leila Viana, que é prima do prefeito preso e afastado de Cabedelo, Leto Viana, vai cumprir prisão domiciliar, por determinação do desembargador João Benedito da Silva. A decisão aconteceu nesta quarta-feira (11).

Leila foi uma das 11 pessoas presas durante a Operação Xeque-Mate, deflagrada pela Polícia Federal no dia 3 de abril deste ano. A ação policial investiga a corrupção dentro da Prefeitura e Câmara de Cabedelo.

A decisão, porém, só será divulgada no Diário Justiça Eletrônico nesta quinta-feira (12). Até lá, ela permanece na 6ª Companhia da Polícia Militar, em Cabedelo.

Segundo o advogado dela, Iarley Maia, a decisão da Justiça é porque Leila tem uma filha de seis anos e o Código de Processo Penal permite que mães de crianças com até 12 anos cumpram a pena em casa.

Entre os presos está o prefeito de Cabedelo, Leto Viana, e vereadores. Além dos presos a justiça afastou 85 servidores municipais.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Por favor preencha seu nome