13/05/2015 às 19h26
Cem cidades serão beneficiadas

Parceria com Banco Mundial trará US$ 32,4 milhões para combater a seca na PB

Para combater os efeitos da longa estiagem que atinge o Nordeste há quatro anos, os cem municípios paraibanos mais castigados pela seca contarão com a aplicação de 500 subprojetos de água potável, abastecimento água completo e simples, dessalinizadores, complexos sanitários que agreguem reutilização de água, obras de melhorias de acesso rural, beneficiamento, armazenamento de forragens e outros.

O valor total do aporte destinado pelo Governo do Estado para o projeto é de US$ 32,4 milhões e serão destinados pelo Banco Mundial por meio do Projeto Cooperar. O projeto está em fase de elaboração para assinatura do acordo para o empréstimo dos recursos.

Apesar de todos os avanços sociais dos últimos anos, a seca ainda atinge diretamente cerca de 10 milhões de nordestinos que vivem no Semiárido e que passam sede e fome. O projeto visa dirimir este sofrimento na Paraíba ao menos para alguns destes cidadãos.

Dentre os critérios de elegibilidade para a seleção dos projetos, os futuros beneficiários precisam se organizar em associações, não ter participado de outros projetos financiados pelo Cooperar ou noutros projetos como o Água para Todos e garantir a sustentabilidade ambiental e financeira do projeto.

Comentários