13/08/2017 às 09h34 • atualizado em 13/08/2017 às 14h28
Crime

Sargento é expulso da PM após ser condenado a 9 anos de prisão por participar de assalto aos Correios no Conde, na Grande João Pessoa

Um policial militar foi expulso da corporação após ter participado, junto com outros envolvidos, de um assalto a agência dos Correios na cidade de Conde no ano de 2002, na Região Metropolitana de João Pessoa. A decisão, assinada pelo governador Ricardo Coutinho, é fruto de julgamento de recurso administrativo interposto pelo PM e pode ser conferida a partir da página 5 do Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (12).

À época, o militar e os outros envolvidos roubaram a quantia de R$ 14,4 mil da agência dos Correios. Pela participação no crime, o policial foi condenado a uma pena de nove anos de reclusão, sendo afastado da corporação.

Foi instaurado um Conselho de Disciplina, a fim de verificar se o militar praticou ato que afetou a honra pessoal, o pundonor militar ou o decoro da categoria. Após o trâmite processual, a Comissão Processante concluiu, por unanimidade, que o policial possuía capacidade de permanecer nas fileiras da Polícia Militar.

A Corregedoria da PM discordou da decisão e sugeriu a exclusão do policial da corporação. Seguindo entendimento judicial e pareceres administrativos, o Comandante Geral da Policia decidiu pela exclusão a bem da disciplina do militar Estadual. O PM ainda recorreu da decisão, mas teve o pedido negado.

Correio

Comentários

Recomendado para você