15/06/2015 às 18h12
Saúde do Trabalhador

Departamento de Assistência Social da Asplan contabiliza atendimentos nas propriedades de associados

A Associação dos Plantadores de Cana da Paraíba (Asplan), entre janeiro e maio deste ano, já realizou 13 ações de campo na área de Medicina do Trabalho e a mesma quantidade de atendimentos em Segurança do Trabalho. Neste período, nove propriedades foram visitadas pelo Técnico de Segurança do Trabalho, Natanael Leal, e nove fazendas tiveram a presença do médico do Trabalho. Dr. Heleno Lino da Silva que realizou um total de 386 exames, entre admissionais, demissionais, periódicos e de retorno ao trabalho. Na área odontológica, a Asplan realizou, entre janeiro e maio, um total de 858 procedimentos, em 625 pacientes, com a Dra. Wilma Lira Costa.

Entre os dias 08 de janeiro e 06 de maio, os atendimento do médico do trabalho foram realizados nas fazendas Vale Verde, São Salvador Agroindustrial, Mangabeira, Bela Vista, AP Agropecuária Ltda, Mariana, Mangabeira/Imbiribeira, Mariana II e Telha. Nestes locais, alguns visitados mais de uma vez, foram feitos um total de 66 exames admissionais, 197 demissionais, 121exames periódicos e dois de retorno ao trabalho, que totalizaram 386 procedimentos.

Entre os dias 15 de janeiro a 06 de maio, o serviço de Segurança do Trabalho da Asplan, realizou visitas técnicas, de inspeções de segurança, palestras e acompanhamento de orientações nas fazendas São José, Santa Inês, Bonita, Santa Rita, São Luiz, Mariano e na Estação de Camaratuba. Nestas propriedades, Natanael Leal verificou os EPI’s, condições de alojamentos, o uso de agroquímicos, a atualização de documentação, fez inspeções técnicas, entre outras ações.

Na área de atendimento odontológico, nos últimos cinco meses, a Asplan atendeu 625 associados e dependentes, através da realização de 858 procedimentos.  O maior número de atendimentos foi para restauração de resina foto que contabilizou 248 procedimentos neste período.  A restauração de amálgama ficou em segundo lugar com um total de 170 procedimentos, enquanto o tratamento de retirada de tártaro, com 93 procedimentos, ficou em terceiro lugar, seguido da aplicação de flúor que aparece em seguida com 77 procedimentos. Todos os atendimentos são realizados no consultório odontológico que fica no prédio sede e pertence a Associação.

O presidente da Asplan, Murilo Paraíso, lembra que os serviços de saúde e segurança do trabalho oferecidos pela Asplan refletem uma política de relacionamento da entidade voltada para seus associados, dependentes e trabalhadores rurais. “Além deste trabalho em campo, que atende os nossos associados em sua própria propriedade, a Asplan também realiza essa prestação de serviço em sua sede, sem nenhum ônus para os produtores, por que entendemos que essa ação é importante, principalmente, pelo fato de que a imensa maioria de nossos associados, que é formado por pequenos produtores, não poderia arcar com os custos destes serviços médicos e odontológicos”, afirma Murilo, lembrando o esforço da entidade para manter os serviços do departamento social. “Não é fácil, principalmente, em tempos de crise como esse, mas priorizamos esses atendimentos por entender a importância que eles têm para os nossos associados”, finaliza Murilo.

Comentários

Recomendado para você