09/06/2015 às 17h20
mudanças

Educação sem comando em Santa Rita

O secretário de Educação de Santa Rita, Francisco de Paula Melo Aguiar pediu exoneração do cargo na manhã desta terça-feira (9). Ele comunicou pelas redes sociais sua decisão de deixar a gestão municipal na cidade dos canaviais.

Para completar a lapada, na tarde de hoje o advogado do Sinfesa, Evilson Braz, protocolou mandado de segurança contra o prefeito Reginaldo Pereira obrigando-o a pagar os salários dos servidores da Educação de Santa Rita.

O prefeito deixou de pagar os servidores neste mês após três meses de greve alegando que os pontos deveriam ser cortados. No entanto, não há decisão jurídica no sentido de considerar a greve dos professores de Santa Rita ilegal.

Comentários