08/06/2015 às 18h39
Desfile em carro aberto

MPPB vai investigar ação dos policiais de Patos que prenderam responsáveis por morte de PM

O Ministério Público da Paraíba (MPPB) instaurou um procedimento preparatório para investigar a conduta dos policiais acerca da prisão de três pessoas e à apreensão de dois adolescentes suspeitos de envolvimento na morte de um policial militar durante um assalto a um posto de combustíveis na cidade de Patos, no Sertão.

Os suspeitos foram expostos pela Polícia Militar em um “desfile” em carro aberto após serem detidos no último sábado (6). O procedimento foi aberto pelo MPPB nesta segunda-feira (8) e investigará se houve abuso de poder por parte dos policiais. O Ministério Público tem 90 dias para cumprir as investigações.

Nota

A assessoria da Polícia Militar negou que tenha ocorrido um “desfile” com os suspeitos e informou em nota que “os que estavam na parte de cima das viaturas eram maiores de idade e os menores estavam na parte de dentro, sem algemas. Além de mostrar transparência na ação para evitar possíveis denúncias de que eles teriam sofrido algum tipo de agressão neste trajeto”.

A nota ainda diz que “os próprios policiais da região evitaram o linchamento dos acusados quando chegaram à delegacia, já que a população estava bastante exaltada com a morte do policial e queria a todo custo agredir os suspeitos”.

Comentários

Recomendado para você